À conversa com os meus Eus.

10:04

Síndrome das palavras soltas sem um enlace de sentido e significado
A cultura do parecer sobre o ser aquilo que quero mas não sou,
Serei? Será? Possível na impossibilidade da espera.
Gritas o que escreves mas não lês o que sentes?
Pensas o que pensas ou vives alienado em abraçar o beijo fugaz e a passagem do passageiro?
Prometes o que cumpres como quem compra algo com defeito ou é defeito teu?
As palavras são gestos duma realidade palpável e real daquilo que supostamente existe? Ou porventura apenas letras montadas tão sublimes duma eloquência própria de quem é doente; ou poeta.
Estar solto na prisão da verdade que não posso corromper. E livre na escravidão da ética e moral de mãos entrelaçadas do sangue e lágrimas de quem ama e sofre. E assim sou feliz!

Subida para a emocional Razão do Ser


You Might Also Like

0 comentários

Google+ Followers

Design



Design criado em colaboração com a página Esboç'Arte.

Subscribe